Sítio ligado à União Europeia lança campanha de informação para Europeias

epa07464183 A demonstrator holds an European flag as he takes part in a protest in front of the European Parliament as Members of the European Parliament debate on modifications to EU copyright reforms in front of the European Parliament in Strasbourg, France, 26 March 2019.  EPA/PATRICK SEEGER

Lisboa, 19 abr 2019 (Lusa) - O sítio da internet "EU versus Disinformation" de combate à desinformação e propaganda, com ligações à União Europeia, iniciou em Tallinn, na Estónia, uma campanha de consciencialização sobre a interferência da Rússia nas eleições europeias.

Organizada em conjunto com a Comissão Europeia, a iniciativa tem como objetivo garantir que as decisões tomadas pelos cidadãos da União Europeia sejam independentes, durante o ato de voto.

De acordo com o "EU versus Disinformation", uma equipa vai viajar por mais de dez países europeus, nas próximas semanas, para informar e ajudar os cidadãos a resistir à manipulação de informação.

"Nem sempre é fácil fazer uma escolha informada e resistir à manipulação no espaço de (des)informação caótico e complexo", menciona o sítio da internet.

Concentrada nas campanhas do Kremlin, a plataforma 'online' relembra que as tentativas de 'hacking' russo às eleições também já foi reportado, além da campanha de desinformação.

Segundo o "EU versus Disinformation", o Kremlin tende a seguir um padrão idêntico a outras eleições e referendos, como nas eleições ucranianas e no Brexit, tentando intrometer-se e desinformar.

Com uma secção sobre as eleições europeias, o projeto aconselha ainda os sítios e ferramentas da Comissão Europeia e do Parlamento Europeu, por forma a combater a manipulação da informação.

As eleições europeias vão ter lugar de 23 a 26 de maio.

 

João Moura Lacerda